Projeto que atuou no processo de internacionalização da UFSCar, tendo como objetivo transformar a Universidade em um local acolhedor à comunidade universitária internacional.

O projeto surgiu a partir da percepção de carências e dificuldades vividas por estudantes internacionais dentro da UFSCar como dificuldades com a língua portuguesa,  além de problemas com moradia, integração e conhecimentos básicos a respeito do Brasil e de São Carlos.

Para suprir essas dificuldades, o projeto lançou diversas soluções como: Apadrinhamento dos estrangeiros, Tandem (troca línguística) e Moradia – iniciados no 2º semestre de 2016 – que, em conjunto com eventos de recepção e integração, promovem um maior auxilio a estes estudantes.

O Pangea também visou não só impactar a vida dos estrangeiros da UFScar, como empoderar a universidade como um todo. O projeto buscou criar uma perspectiva internacional na universidade, sensibilizando os estudantes sobre o intercâmbio cultural e a troca de experiências entre estudantes de diferentes países.

O projeto se institucionalizou junto ao Instituto de Línguas e a Secretária de Relações Internacionais (SRInter) da UFSCar para poder oferecer uma melhor experiência aos estudantes nacionais e internacionais da universidade e em 2018 se tornou o Orbis. 

Para maiores informações sobre o projeto, acesse nossa página no Facebook: www.facebook.com/pangeaufscar

 

pangea